sexta-feira, 8 de maio de 2009

801 - Caminhos de leitura





Hoje estive em Pombal para participar no VII Encontro de Literatura Infanto-Juvenil -"Caminhos de Leitura", promovido pela Biblioteca Municipal de Pombal.

A agenda de hoje era a seguinte:

10h00 - Caminhando na leitura...
Presidente e Vereador da Educação da Câmara Municipal de Pombal,
Direcção Geral do Livro e das Bibliotecas

10h30 - ... do Carreirinho aos Caminhos...
Biblioteca Municipal de Pombal

11h30 - La lectura agomboladora o la lectura que agombola
Mercé Escardó i Bas (Espanha)

13h00 - A arte de bem comer... hora das migas...

14h30 - El arte de la lectura, un concepto estético
Samuel Alonso Omeñaca (Espanha)

15h30 - Escrever para os olhos
João Paulo Cotrim

16h30 - Diálogo de silencio con el espacio y el objeto..., después la palabra.
José António Portillo (Espanha)

17h30 - Caminhos que nos levam à arte de ler... siga as coordenadas...
Visita à exposição "Artefactos para contar e criar histórias"
Biblioteca Municipal e Centro Cultural


Não dei o tempo por mal entregue! Encheu-me as medidas a apresentação de Mercé Escardó i Bas (ver também aqui)

A sua apresentação andou à volta da importância do tempo do conto para as crianças e do uso dos livros ilustrados. Durante a apresentação contou-nos (à maneira de uma contadora de histórias) 12 contos infantis explorando os respectivos livros.

Confesso que me vieram as lágrimas aos olhos por 2 ou 3 vezes. Quem disse que as histórias para crianças eram só para crianças? Se forem boas histórias são histórias de pessoas, de afectos, de sentimentos, da vida. Essas, as boas, são para nós todos. Foi BELO... apenas isso!

---
Isto veio confirmar o que postei ontem e antes de ontem: Apesar de tudo o que fizeram aos professores, de facto, estes continuam a dar o litro para educar os nossos e os filhos dos outros.
Uma sociedade que maltrate os professores, irá sofrer muito no futuro!

Sem comentários:

Enviar um comentário