quinta-feira, 4 de fevereiro de 2010

O estrangeiro - Albert Camus


No ano em que se celebra o 50º aniversário da morte de Albert Camus (4/1/1960)
---
O Estrangeiro é a história de Meursault, um homem que vive uma vida, que talvez não devesse ser contada. Pois ele vive vazio de emoções, incapaz de sentir amor, saudade, ódio, medo, ou qualquer outra emoção. A sua vida vai-se desenrolando como se ele fosse um estrangeiro, não em relação a um país, mas em relação à humanidade.
O livro é intressantíssimo de ler por encontrarmos alguém tão ingénuo, tão friamente coerente consigo próprio e que leva essa lógica até ao fim, sendo o leitor confrontado com um drama que não imaginaria que pudesse acontecer.


É um livro que se lê numa tarde... e é uma obra que foi prémio Nobel.

Sem comentários:

Enviar um comentário